sexta-feira, 16 de março de 2012

Até sempre Tripé


O céu hoje ficou mais rico e o nosso Tripé transformou-se numa estrela.


Depois de todo o sofrimento que passou encontrou uma verdadeira família que o acolheu no seu seio e o amou incondicionalmente. 
Uma família que não viu nele um gato de apenas três patas, mas sim um gato especial. 
Uma família que não viu nele um gato com FIV mas apenas um gato especial.  
Uma família que se limitou simplesmente a amar o Tripé.

O Tripé partiu para o outro lado da ponte do arco-íris, mas ficará para sempre no coração de todos aqueles que se cruzaram com ele, de todos aqueles que tiveram a felicidade de partilhar momentos da sua vida com um gato tão especial.

À Ana Filipa e família, um obrigada sentido, por tudo o que fizeram pelo Tripé e por o terem feito verdadeiramente feliz.